Prevenção da Doença Descompressiva

Tema recorrente e esquecido por mergulhadores, devido a sua baixa incidência (pelo menos no mergulho esportivo). É importante que mergulhadores de todos os níveis saibam minimizar e evitar os fatores de risco. Discutiremos a cada semana um fator de risco.

Esforço físico antes, durante e depois do mergulho.
Parece que nosso corpo produz, constantemente, micronúcleos ou microbolhas de ar. As ondas de contração e relaxamento muscular aumentam as microbolhas. Evite exercitar-se exageradamente antes e depois de mergulhos. Com mais “microbolhas”, temos mais chance de crescimento de bolhas de nitrogênio e, como consequência, de doença descompressiva.
Muita gente fala para aumentar o exercício durante as paradas de descompressão (do mergulho técnico), para ajudar a eliminação de gás. Porém é preciso tomar cuidado. Especialmente quem usa gas enriquecido em oxigênio, para evitar uma intoxicação aguda pelo mesmo.

Av. Moema, 170 – conj. 133 13º andar – Moema – São Paulo
Tel: (11)50511913 | 50515435
WhatsApp: (11)962212109