O Coração do Atleta

O Coração do Atleta

Pode parecer legal ouvir do médico, algo como “você está com coração de atleta”. Em parte. Um coração bem treinado tem uma série de adaptações positivas, e de uma maneira geral:
⁃ É mais “elástico”. Consegue mandar mais sangue por batimento cardíaco, atendendo melhor as demandas do atleta.
⁃ Mais econômico, batendo menos vezes, com melhor aproveitamento de energia.
⁃ Tem recuperação mais rápida apóos o exercício.

Entretanto, muitas vezes passamos do ponto. Um coração exageradamente dilatado é suscetível a algumas formas de arritmia.

Também, atletas de endurance que “rodam demasiado” parecem ter mais depósito de cálcio nas artérias coronárias, o que pode não ser bom.

Enfim, atletas e esportistas devem fazer seu acompanhamento médico. O segredo é “não exagerar”, que costuma ser complicado para muitos. Mas aí vai algo para pensar sobre uma famosa frase:

Esporte é Saúde

Ops. Não necessariamente. Exercício é saúde. Esporte pode ser saudável sim. Na dose certa. Mas com exageros, pode não ser

Bons esportes e exercícios, com moderação